O Nome de Todas as Estrelas


Conta o número das estrelas, chamando-as a todas pelo seu nome. —Salmo 147:4

Leitura: Salmo 147:1-9

Num platô acima do deserto de Atacama, no Chile, o maior radiotelescópio do mundo está a dar aos astrónomos uma visão inédita do universo. Num artigo da Associated Press, Luis Andres Henao escreveu sobre cientistas de muitos países “à procura de pistas sobre o início do cosmos — desde os mais gelados gases e poeira onde se formam as galáxias e nascem as estrelas mediante a energia produzida pelo Big Bang”.

A Bíblia celebra o grande poder e o entendimento infinito de Deus, que “Conta o número das estrelas, chamando-as a todas pelo seu nome” (Salmo 147:4). No entanto, o Criador do universo não é uma força indiferente, remota, mas um Pai celestial amoroso que “…sara os de coração quebrantado e lhes pensa as feridas” (v.3). “O Senhor ampara os humildes…” (v.6) e “Agrada-se […] dos que o temem e dos que esperam na sua misericórdia” (v.11).

Ele nos ama tanto, que “…deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16).

O autor britânico J. B. Phillips chamou à Terra “o planeta visitado”, onde o Príncipe da Glória ainda está a desenvolver o Seu plano.

A nossa esperança para hoje e para sempre está na amorosa misericórdia de Deus, que chama cada estrela pelo nome.

— david c. mccasland

Deus, que sabe o nome de todas as estrelas, sabe também os nossos nomes.

(in Pão Diário)