RÚSSIA PROÍBE TODAS AS FORMAS DE EVANGELIZAÇÃO FORA DOS TEMPLOS E SÍTIOS CRISTÃOS

Os nossos irmãos e irmãs na Rússia necessitam das nossas urgentes orações e intercessões!

Tal como se temia, o governo russo votou uma nova lei com efeitos a partir do próximo dia 20, através da qual "serão proibidas todas as formas de evangelismo em qualquer lugar fora das igrejas (templos) ou sítios religiosos - incluindo os lares e a internet - estando sujeitos a multas todos quantos transgredirem esta lei."

Segundo esta nova lei, apenas os membros nomeados de organizações religiosas é que poderão partilhar a sua fé, sendo proibido até o testemunho informal entre pessoas na rua ou no trabalho.

Segundo o "New York Times", esta proibição inclui também "pregação e oração" feitas fora das fronteiras das instituições religiosas "oficialmente reconhecidas."

Esta nova lei repressiva assinada pelo próprio punho do presidente Vladimir Putin levará a Igreja evangélica russa a recuar aos muitos anos em que viveu reprimida e perseguida pela tirania dos regimes comunistas soviéticos.

Para muitos observadores, esta é a medida "mais restritiva na história pós-soviética."
Esta lei enquadra-se nas novas leis anti-terroristas aprovadas recentemente na Rússia, e que de facto transformam o evangelismo em algo semelhante ao terrorismo!

Milhares de Igrejas evangélicas e protestantes na Rússia estão a reunir-se para orar e jejuar contra a execução desta pérfida lei. Segundo o "Christian Post", calcula-se em 7 mil o número de congregações a orarem e jejuarem nesta hora difícil para toda a Igreja na Rússia.

Apelo a todos os crentes em Portugal e não só para que nos juntemos aos nossos irmãos e irmãs russas em oração solidária, suplicando ao nosso Soberano Deus que dê sabedoria, ousadia e perseverança à Igreja russa no meio de tão grande adversidade.

[Publicado no Facebook por: Normando Fontoura]